segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Um Leão Chamado Christian




A Minha Opinião:

Li. Sorri. Deliciei. AMEI! Uma história verídica extraordinária, esplêndida, tocante, ternurenta, comovente!

Ace e John, dois amigos australianos, encontravam-se em Londres a trabalhar numa loja chamada Sophistocat e viviam num apartamento por cima desta loja. Foi nesta cidade que compraram um leão. Passava-se no ano de 1969. Nessa altura, era permitido comprar animais exóticos. Deram-lhe o nome de Christian.

(Ace à esquerda e John com Christian em Londres)


E o que aconteceu depois? Como conseguiram arranjar espaço para Christian? Como o criaram? Foi perigoso? Alguma vez o leãozinho os atacou? Como foi desenvolvida a ligação entre os dois com o leãozinho? Como foi que todos se interagiram?

(John a brincar com Christian)


E o que fizeram estes donos ao Christian quando este cresceu/ficou cada vez maior? Que decisões tomaram?
Já toda a gente sabe, graças ao Youtube, decidiram devolver a liberdade ao Christian.

(John à esquerda e Ace com Christian em África - Quénia/Kora)


Como foi a reacção do leãozinho ao chegar à África? Como decorreu a reabilitação deste? E os donos como reagiram, se estes já estavam tão ligados ao Christian e vice-versa?

Foi o George Adamson que o reabilitou, a mesma pessoa que tinha reabilitado a leoa Elsa (ver o filme “Uma Leoa chamada Elsa” – aqui).



(duas fotos acima: George com Christian)


Recomendo altamente a leitura, conheçam este maravilhoso e dócil Christian, este leaozinho que abraçava e pedia colo aos donos!





Actualmente:

Ace e John continuam vivos, já ambos velhotes.

(Ace à esquerda e John)


Anthony Bourke nasceu em Sydney em 1946. Tornou-se um dos principais curadores de arte da Austrália, sendo pioneiro em arte aborígine e especialista em arte colonial, e realizou várias exposições aclamadas pela crítica. Ace espera se dedicar novamente a projetos de preservação da vida selvagem e ajudar a resolver questões urgentes relativas ao meio ambiente. Atualmente, vive em Sydney com seus dois gatos.

John Rendall é australiano e divide seu tempo entre Londres e Sydney. John continua seu compromisso com a George Adamson Wildlife Preservation Trust e é membro da Royal Geographical Society, em Londres. Trabalha como relações públicas em turismo, concentrando-se em projetos de preservação, hospedagens e reservas ambientais na África. Os três filhos de John compartilham sua paixão pela vida selvagem e preservação da natureza.


Outras Opiniões:

Aqui #1 (da Carla Martins do blog "Leitura (mais que) Obrigatória")
Aqui #2 (da Canochinha do blog "Estante de Livros")
Aqui #3 (da JM do blog Favourite Readings)

2 comentários:

  1. Mas assim, só pra saber... Custa nada perguntar, né... O download tem mesmo ou é só o nome do blog?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. http://pt.scribd.com/doc/169988937/UM-LEAO-CHAMADO

      Excluir