segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Mar de Ferro

Título: O Mar de Ferro
Autor: George R. R. Martin
Tradução: Jorge Candeias
Edição: Saída de Emergência
Nº de páginas: 332

"Quando Euron Greyjoy consegue ser escolhido como rei das Ilhas de Ferro não são só as ilhas que tremem. O Olho de Corvo tem o objectivo declarado de conquistar Westeros. E o seu povo parece acreditar nele. Mas será ele capaz?Em Porto Real, Cersei enreda-se cada vez mais nas teias da corte. Desprovida do apoio da família, e rodeada por um conselho que ela própria considera incapaz, é anda confrontada com a presença ameaçadora de uma nova corrente militante da Fé. Como se desenvencilhará de um tal enredo? A guerra está prestes a terminar mas as terras fluviais continuam assoladas por bandos de salteadores. Apesar da morte do Jovem Lobo, Correrrio ainda resiste ao poderio dos Lannister, e Jaime parte para conquistar o baluarte dos Tully. O mesmo Jaime que jurara solenemente a Catelyn Stark não voltar a pegar em armas contra os Tully ou os Stark. Mas todos sabem que o Regicida é um homem sem honra. Ou não será bem assim?"
Ainda que as Crónicas de Gelo e de Fogo não estejam terminadas, a obra já existente ficou, com o lançamento de "O Mar de Ferro", totalmente traduzida para a língua de Camões e agora só nos resta esperar que o autor não tarde demasiado a escrever os demais volumes da série que é um verdadeiro fenómeno em todo o mundo.
Sendo a continuação de "O Festim dos Corvos" neste volume faz-se igualmente o balanço da guerra que devastou os Sete Reinos. A acção centra-se sobretudo em Porto Real e Correrrio e há muitos POV que não são focados - o que é uma pena no caso de muitos personagens. Posto isto, podem imaginar o sem-número de perguntas e enigmas que continuam sem resposta e aos quais se vão juntar as novas questões levantadas por mais uma narrativa explêndida e cheia de pormenores importantes como é a de Martin.
Para alegrar os leitores podemos dizer que alguns dos personagens que adoramos odiar começam a sofrer alguns castigos bem merecidos, se bem que com Martin nunca se sabe e a situação ainda pode vir a sofrer algumas reviravoltas. E já que falamos de personagens, deixem-me dizer-vos que, embora já todos saibamos que o autor é um mestre no que respeita à sua construção, estou deveras impressionada com Jaime. É um personagem que de início odiava e achava mesquinho como a irmã mas cuja evolução e crescimento (bem como a mudança) são tão visíveis que o impensável aconteceu e agora é um daqueles POV dos quais estou sempre ansiosamente à espera.
Enfim, não posso adiantar muito mais sem começar para aqui a "spoilar", além de existir o sério risco de me pôr com divagações acerca das questões que ficaram no ar e dos possíveis desfechos para algumas situações. Assim sendo, apenas me resta recomendar a leitura destas Crónicas a quem ainda não se lançou nelas. A quem já começou a lê-las não preciso dizer nada, ninguém resiste a mais um livro de Martin...
7/10

2 comentários:

  1. Lá em baixo diz "Milhares de livros para download e baixar em seu computador, livros pelo rapidshare, megaupload, resenhas."

    Mas onde está o link?

    ResponderExcluir
  2. onde eu baixo?
    me envia uma mensagen no blog: livraria ulisses more

    ResponderExcluir