quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Tarot Das Bruxas

TRECHO:
1- O MAGO
Existe em algum lugar, uma alma gêmea, a outra parte da nossa própria alma e descobri-la é uma missão. O primeiro passo é acreditar em sua existência, como se fosse uma religião. Por isso é importante estar com a atenção voltada para seu interior, para seu íntimo mais profundo.
O encontro entre almas gêmeas é muito intenso e acontece ao mesmo tempo no plano astral. Os olhares ligam um ao outro no plano da inteligência, que significa estar mais próximos à Deus. Todos nos temos uma alma gêmea. Se você ainda não encontrou não desanime.
As almas gêmeas não evoluem paralelamente, pois são influenciadas pelas circunstancias que marcam nossa vida terrena. A imagem de como deve ser nossa "cara metade", é adquirida desde muito cedo. Durante a nossa evolução modificamos nossa idéia, mas não nosso ideal. Assim, acontece algo de mágico quando finalmente encontramos nossa alma gêmea. Esse encontro é detectado, em primeiro lugar, pelo olhar. A maioria dos casais, diz que o olhar foi um fator determinante para terem certeza de que aquele relacionamento daria certo. Os olhos são o espelho da alma. A familiaridade que sentimos ao ver nossa cara metade é como se uma mensagem fosse enviada ao nosso cérebro através dos olhos: Agem o inconsciente, responsável pelos sonhos e o subconsciente, que nos trás lembranças de vidas passadas.
O amor de almas gêmeas é puro, abrangente e não tem idade, pois independe do aspecto puramente físico. A união é muito mais elevada, atingindo esferas espirituais e mentais intensas, ricas e duradouras. O amor é inesgotável, não diminui à medidas que o relacionamento continua, mas aumenta cada vez mais. Não existe namorado, amante ou amado, muito menos divisões, desuniões ou desilusões. O amor de almas gêmeas subsiste em outros planos e em outras vidas.
É eterno.
Palavra-chave: PONTO DE PARTIDA
Amor: conquista
Responde como sim.
2- A PAPISA
A vontade da procura da alma gêmea é quase intuitiva, chegando mesmo a ser instintiva. Se o seu lado racional insiste em ignorar seu desejo e você se apanhar dizendo frases como: "não quero me prender a ninguém" ou "sou muito feio, não tenho atrativos", ainda assim seu subconsciente estará clamando por sua alma gêmea. O coração é um mistério. Cada um tem sua própria alma, ansiosa para encontrar a outra metade. Tudo isto faz parte de um mistério profundo chamado "almas gêmeas". E como acontece com tantas coisas na esfera espiritual, a busca deste grande amor é algo estritamente pessoal, próprio de cada um. A Papisa representa o IDEAL ESPIRITUAL, ou o que chamamos de missão. Sabemos que este estágio está sendo alcançado quando, juntas, as almas gêmeas alcançam um desenvolvimento que jamais conseguiriam atingir sozinhas. Ambas são tomadas por uma imensa felicidade. Se brigam, ou se separam, parecem decair ou murchar. Passam a sentir que dali em diante nada mais lhes interessa. Fale com seu companheiro(a) sobre você e tudo que lhe diz respeito: humores, lembranças, paixões, emoções, anseios e medos.
Para se viver bem é preciso muita tolerância, muita compreensão e pouco julgamento. A arte de amar é também a arte de bem conviver, sem comprar uma briga por dia. Nem sempre é importante ter razão numa discussão qualquer. Tão útil quanto saber falar é saber calar. Passar por dificuldades no relacionamento, desde que ambos estejam decididos a supera-las juntos, significa conseguir a fusão verdadeira de almas gêmeas, transformando uma pedra bruta em um grande cristal mágico. A energia necessária para essa transformação será gerada pelas vibrações do amor, da paz, da tolerância, da compreensão, da paciência e da harmonia. Desde exista, é claro, a vontade de querer atingir este objetivo.
Palavra-chave: INTUIÇÃO
Amor: ideal espiritual
Responde como sim

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário